Transtorno de déficit de atenção/hiperatividade na clínica, na escola e na família

Luiz Renato Rodrigues Carreiro/ Maria Cristina Triguero Veloz Teixeira/ Armando dos Santos Afonso Junior
Ocultar subprodutos

ISBN: 978-65-89092-20-9

*360 páginas

 

Transtorno de déficit de atenção/hiperatividade na clínica, na escola e na família

Avaliação e Intervenção

Você já ouviu falar em transtorno de déficit de atenção/hiperatividade (TDAH)? Certamente sim, nos últimos anos este transtorno tornou-se amplamente discutido, e eventualmente atribuído genericamente para denominar as “crianças hiperativas”, com muita energia, popularmente ditas “arteiras”. Essa percepção existe porque a desatenção, hiperatividade e impulsividade são características encontradas em toda a sociedade, porém, indivíduos diagnosticados possuem uma polarização destes sintomas. Embora a popularização deste transtorno possa contribuir para a conscientização e pela busca de diagnóstico e tratamento, também causa a falsa impressão de que o assunto já foi inteiramente pesquisado, e que não há campo para novos estudos e intervenções.

O leitor terá um panorama geral de como o TDAH é conhecido e diagnosticado atualmente, conhecerá os achados recentes sobre a neurobiologia do transtorno, que fornece embasamento para sabermos como as bases neurais funcionam. E de forma ampla e didática, os autores explicam o processo de avaliação psiquiátrica, a genética, as questões comportamentais, o tratamento medicamentoso e as intervenções para esse público. Também são fornecidas orientações específicas para os pais, já que a atuação deles é fundamental para a qualidade de vida das crianças e adolescentes diagnosticados. A obra uniu 42 profissionais com vasta experiência e formação em diferentes áreas do saber: psicologia, psiquiatria, neurologia, pedagogia e educação física, sendo clínicos e/ou professores de graduação e pós graduação, que oferecem uma visão moderna, relatando o TDAH em três âmbitos: na família, na escola e na clínica.

 

Sumário

1. Definição, caracterização e desafios atuais do transtorno de déficit de atenção/hiperatividade
2. Neurobiologia do transtorno de déficit de atenção/hiperatividade
3. Avaliação psiquiátrica: procedimentos de diagnósticos no transtorno de déficit de atenção/hiperatividade
4. Avaliação genética no transtorno de déficit de atenção/hiperatividade
5. Avaliação neuropsicológica no transtorno de déficit de atenção/ hiperatividade
6. Avaliação comportamental no transtorno de déficit de atenção/ hiperatividade
7. Avaliação de indicadores precoces de dificuldades atencionais e hiperatividade
8. Diferenciação do transtorno de déficit de atenção/hiperatividade em relação a outros transtornos do neurodesenvolvimento
9. Contribuições interdisciplinares das avaliações neuropsicológica, comportamental e clínica na compreensão das queixas de desatenção, hiperatividade e impulsividade em crianças e adolescentes: utilização de um protocolo de avaliação para tomadas de decisão
10. Intervenções medicamentosas no transtorno de déficit de atenção/ hiperatividade em crianças e adolescentes
11. Intervenções cognitivas nas queixas de desatenção e hiperatividade no contexto clínico
12. Intervenções comportamentais nas queixas de desatenção e hiperatividade no contexto clínico
13. Intervenções comportamentais nas queixas de desatenção e hiperatividade no contexto de sala de aula
14. Intervenções cognitivas no contexto escolar para crianças com queixas de desatenção e hiperatividade
15. Intervenções psicopedagógicas nas queixas de desatenção e hiperatividade
16. Desafios na orientação da prática de atividades físicas para crianças com transtorno de déficit de atenção/ hiperatividade
17. Orientações para pais no manejo das dificuldades cognitivas e comportamentais de crianças e adolescentes com transtorno de déficit de atenção/ hiperatividade
18. Impactos do isolamento social causados pela pandemia da Covid-19 em crianças e adolescentes com transtorno de déficit de atenção/ hiperatividade
19. Abordagens educacionais no retorno às atividades escolares presenciais pós-pandemia da Covid-19 para crianças com transtorno de déficit de atenção/ hiperatividade
20. Direções futuras nas pesquisas sobre transtorno de déficit de atenção/ hiperatividade em diferentes contextos

Sobre os autores

Organizadores:

Luiz Renato Rodrigues Carreiro
Doutor em Ciências – Fisiologia Humana pela Universidade de São Paulo (USP) e professor da Universidade Presbiteriana Mackenzie (UPM). 

Maria Cristina Triguero Veloz Teixeira
Doutora em Saúde pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) e professora da UPM

Armando dos Santos Afonso Junior

Mestre em Neurociências pela Universidade Federal Fluminense (UFF), doutorando em Distúrbios do Desenvolvimento da UPM e pesquisador nas áreas de atenção, funções executivas e TDAH.